Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

24/05/2019 06:15
  • Escola Municipal Iapissara Aguiar comemora 40 anos com “Maio com a poesia Potiguar”

A Literatura de Cordel teve início no século XVI, quando o Renascimento estava em alta na Europa. A introdução no Brasil, contudo, deu-se através dos portugueses, com a sua colonização em terras tupiniquins. Pensado a relevância e a riqueza dessa modalidade, a Escola Municipal Professora Iapissara Aguiar, que está completando 40 anos de existência, está promovendo, durante quatro dias, a partir da segunda-feira, 20, o evento “Maio com a poesia Potiguar”, dentro do “Corredor cultural da biblioteca”, com o objetivo proporcionar, aos alunos, conhecer autores de Literatura de Cordel.

 

Um dos professores responsáveis pelo evento é José de Morais, que explica a prioridade de despertar o gosto pela leitura, através das parcerias, entre a biblioteca, os professores e os alunos. “Temos colhido bons frutos, ao ponto que hoje termos alunos escritores de cordel. Buscamos sempre a parceria com os escritores. É quando os nossos alunos aprendem não só a ter o gosto pela leitura, mas se apropriar das propriedades de escrever, além de lidar com essa cultura popular, que está no meio do povo. Por isso, ela é tão solidificada na nossa escola: por ser barato e de fácil acesso”.

 

O aluno José Felipe do Nascimento (13), estudante do 8° ano, é escritor de Cordel, e produziu “O menino do quintal”. Ele conta como essa modalidade entrou na sua vida. “Eu queria entreter mais as pessoas a lerem cordéis. Fico muito feliz em ver os meus colegas lendo o meu cordel, e pretendo fazer mais. E essa atividade, que irá acontecer durante toda a semana, é importante para aprendermos mais”, opina.

 

Rayssa Nascimento (13), também do 8° ano, concorda: “A leitura do cordel é bem legal, porque você acaba descobrindo mais coisas, e com isso acaba escrevendo algo que você nunca imaginaria que iria escrever. Eu nunca pensei em ler livros, mas depois que comecei a ler, comecei a interagir mais, a escrever bem mais e acabei pegando o gosto por livros. Essa atividade que está acontecendo em nossa escola é muito interessante, pois é muito importante expandir o nosso conhecimento, porque tem gente que não sabe nem o que é cordel, e, com esse projeto, vamos descobrindo bem mais coisas interessantes”.

 

Os autores que passarão pela escola nesses quatro dias, são: José de Castro, José Acací, Marcos Medeiros e Antônio Francisco. Além dessa troca de experiências entre escritores e os alunos, no último dia terá uma apresentação de teatral, com a peça “Aquela dose de amor”, que será apresentada pelo grupo “Iapissara em cena”.

 


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css